Leandro Brasil

Ingressou no meio artístico em meados de 2007, quando trabalhou com aerografia em capacetes, tanques de moto, fachadas de comércio e objetos em geral.
Em 2009, conheceu Daniel Nicodra, artista por quem tem enorme gratidão e respeito, pois o colocou no mundo da tatuagem. Como mentor, acompanhou seus primeiros traços e toda sua evolução profissional.

CONTINUE LENDO

Desde a época do colégio Leandro se interessava por geometria, acabou encontrando na tatuagem alguns estilos que mais lhe agradavam, como os trabalhos com influência samoana e marquesa. É apaixonado por história de civilizações antigas e se aprofundou em estudar mais sobre os povos da polinésia, sua cultura e tradição.

Mesmo sendo um artista versátil, opta por trabalhar com tatuagens monocromáticas, tribais, ornamentos e maori.

Sempre procura desenvolver um trabalho exclusivo para seus clientes, no caso dos maoris, opta por trabalhar com free-hand, técnica em que o artista desenvolve o desenho com uma caneta, diretamente na pele do cliente, pois acredita que o trabalho se encaixe melhor na anatomia de cada pessoa, respeita as influencias vindas de fora mas evita fazer cópia, acredita que cada tatuagem carrega uma história, fazendo dela única para cada pessoa.

 

-